Segundo advogados de Marcelo Damasceno Barroso, 35 anos, o suspeito está à disposição da Justiça.

 

A defesa do suspeito de atropelar e matar o ciclista Ricardo Campelo Aragão (foto em destaque), 58 anos, manifestou-se sobre o andamento das investigações. Segundo os advogados de Marcelo Damasceno Barroso, 35 anos, o acidente foi “um fato isolado em sua vida”. As investigações mostram que o motorista dirigia em alta velocidade e deixou o local sem prestar socorro às vítimas. Além de Aragão, uma mulher que o acompanhava também foi atingida e sobreviveu.

Uma nota divulgada e assinada pelos representantes de Marcelo Barroso, o acusado “se encontra profundamente abalado emocionalmente por conta de todo o ocorrido” e “se solidariza com a família pela inestimável perda”.

A identificação do condutor do veículo que atingiu os ciclistas trouxe novamente tristeza e indignação à família de Ricardo Aragão. O acidente aconteceu em 10 de outubro, na 703 Norte.

Segundo a irmã da vítima, Ysmine Aragão, 54, os parentes não receberam detalhes do depoimento do motorista. Sabem apenas que o suspeito ficou calado e que os advogados prestaram esclarecimentos.

“É uma sensação de impunidade saber que ele saiu de lá (delegacia) e foi embora”, lamenta Ysmine.

Identificação foi por meio de peça solta

Segundo o delegado-chefe da 2ª Delegacia de Polícia (Asa Norte), João Guilherme, os investigadores descobriram o endereço do acusado por meio de uma tampa que se soltou do carro na hora da colisão. Trata-se de um veículo modelo Yaris. Os policiais foram até a casa do suspeito, mas ele não estava.

Depois, na presença do advogado, o condutor se apresentou na unidade policial. “As investigações continuam para clarear as circunstâncias do acidente, mas ele foi indiciado pelos crimes de homicído, lesão corporal, omissão de socorro e evasão do local de acidente”, explicou o delegado.

 

Marcelo Damasceno Barroso, 35 anos, é servidor concursado do Superior Tribunal Militar (STM). Conforme consta no site da Corte, ele trabalha no gabinete da presidência do órgão e responderá, por enquanto, em liberdade.

Por: Junim10B

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
28 − 2 =