Em Sobradinho, equipes limparam áreas de descarte irregular de lixo e lavaram paradas de ônibus. Ações são preventivas contra a dengue

Dessa vez, até as lajes das paradas de ônibus foram limpas, com a retirada de mais de 15 toneladas de materiais orgânicos e lixo | Foto: Divulgação/GDF Presente

GDF Presente encerra o ano da mesma maneira que o iniciou: com muito trabalho e melhorias para a população. Em parceria com a Administração Regional de Sobradinho, as equipes do Polo Norte do programa percorreram as ruas da cidade serrana e executaram serviços de limpeza em paradas de ônibus, terrenos e áreas de transbordo irregular de lixo, além de patrolamento de vias.

Normalmente, o foco das atividades do GDF Presente quando realizam a limpeza dos abrigos de ônibus é a lavagem da parte “baixa” dos mesmos, principalmente os bancos onde as pessoas sentam e as calçadas ao redor. Dessa vez, o serviço executado também incluiu as lajes das paradas, com o recolhimento de aproximadamente 15 toneladas de materiais orgânicos e lixo dos tetos e também dos tubos de drenagem.

Além de limpar os locais, a ação também teve como objetivo evitar o acúmulo de água que poderia servir como criadouro de larvas do Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue e outras doenças. “A gente costuma lavar a parada de ônibus, mas agora subir em cima dos pontos, desentupir os tubos de escoamento, subir e descer sacos de lixo, foi um trabalho desafiador, mas necessário”, avalia o coordenador do Polo Norte do GDF Presente, Ronaldo Alves.

Mais de mil toneladas de inservíveis foram recolhidas | Foto: Divulgação/GDF Presente

Junto com a limpeza das paradas de ônibus, os caminhões do programa e da administração regional percorreram diversos terrenos em Sobradinho realizando o recolhimento de entulhos e inservíveis. Ao longo de mais de uma semana, mais de mil toneladas foram retiradas de diversos transbordos irregulares, como um próximo à DF-326 e na Vila Basevi, em Sobradinho II.

Buraco zero

Outro foco do trabalho do GDF Presente em Sobradinho foi a manutenção do asfalto. Somente na Expansão do Setor Econômico, região que concentra diversas lojas de material de construção e, com isso, recebe um fluxo intenso de caminhões diariamente, 4,4 toneladas de massa asfáltica foram utilizadas para nivelar o asfalto nas ruas.

Expansão do Setor Econômico: 4,4 toneladas de massa asfáltica para nivelar o asfalto | Foto: Divulgação/GDF Presente

Para o ano de 2021, a Administração Regional de Sobradinho vai contar com dois importantes reforços no atendimento a demandas de manutenção das pistas asfaltadas: uma máquina de corte de asfalto e uma placa vibratória para compactação de buracos pequenos.

O administrador regional da cidade, Eufrásio Pereira da Silva, comemorou a chegada dos equipamentos e já projeta os resultados que eles vão impulsionar. “Isso que o GDF fez foi muito bom para nós, vai nos ajudar muito. Vai trazer mais autonomia, não vamos depender tanto do auxílio de órgãos auxiliares na hora de realizarmos trabalhos rotineiros ou cotidianos”, avalia.

FLÁVIO BOTELHO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA | EDIÇÃO: RENATA LU

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
24 + 5 =