Lixeiras subterrânea serão instaladas no Setor Habitacional Noroeste. De forma simples, o recipiente funciona como uma grande lixeira instalada abaixo do nível do chão. As obras de escavação dos 40 coletores começam nos próximos dias. O Noroeste será o primeiro bairro do DF a receber esse modelo de lixeira.

O recipiente é capaz de armazenar resíduos orgânicos e secos. Cada contêiner terá a capacidade de armazenamento de 3 mil litros de resíduos. O diretor-técnico da Terracap, Hamilton Lourenço Filho, fala mais sobre o projeto.

“O Noroeste será o primeiro bairro do Distrito Federal a receber lixeiras subterrâneas. A construção dessas lixeiras é um projeto aguardado há muito tempo pelos moradores do bairro e que esta gestão está pondo em prática. Em discussão que tínhamos com representantes dos moradores a Terracap escolheu esse tipo de lixeira subterrânea que contribui para o cumprimento das leis ambientais; evita enchentes; transmissão de doenças. Afinal, quem ganha é a população e o meio ambiente. Este tipo de lixeira evita a proliferação de pragas e vetores; o acesso dos animais aos resíduos; diminui a poluição visual; diminui o mau cheiro das lixeiras e, ainda, com o aumento do volume de armazenamento, diminui a frequência da coleta. O custo da obra nessa etapa é de R$ 4,7 milhões para 40 lixeiras para materiais orgânicos e recicláveis, que serão instalados na primeira etapa do bairro residencial. A seguir, a segunda etapa do bairro receberá as lixeiras e a coleta será feita pelo próprio SLU.”   

Os coletores são formados de tubos de aço inox com tampas de fácil manuseio e permitem a separação do lixo seco e orgânico. O trabalho de recolhimento do material descartado é feito normalmente pela equipe do Serviço de Limpeza Urbana (SLU).

Fonte: Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
25 + 21 =