Governador Ibaneis visita construção, uma das maiores do Brasil. Passagem vai resolver questões de mobilidade para mais de um milhão de pessoas

A obra vai beneficiar 135 mil condutores que trafegam diariamente pela região | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

O governador Ibaneis Rocha visitou o canteiro de obras do Túnel de Taguatinga na manhã desta sexta-feira (5). O chefe do Executivo acompanhou os trabalhos da maior construção em andamento no Distrito Federal, com 20% de obra executada até o momento. O túnel é, também, um dos maiores investimentos e geradores de emprego da capital, com R$ 275,7 milhões de custo e estimativa de 1,7 mil empregos.

Iniciada em julho de 2020, a obra tem transformado a paisagem de Taguatinga e, futuramente, vai beneficiar 135 mil condutores que trafegam diariamente pela região, desafogando o trânsito e resolvendo um problema crônico no centro de Taguatinga. A passagem vai auxiliar ainda o trânsito a regiões administrativas próximas como Ceilândia, Samambaia e Sol Nascente/Pôr do Sol.

Atualmente, os trabalhos estão concentrados na execução das paredes diafragma, responsáveis por estabilizar as paredes da cavidade da obra, e também na remoção do solo. Ainda em março haverá a demolição da passarela subterrânea para início de nova frente de serviço.

“Fico muito feliz porque a obra está andando num ritmo muito acelerado. São mais de 20% da obra executada. A próxima etapa, agora, é emendar as duas partes do túnel. A gente tem expectativa que no início do ano que vem, em abril ou maio, vamos entregar essa obra para toda a população da região oeste”Ibaneis Rocha, governador

Foram escavados 13.6 mil metros cúbicos das lamelas, utilizados 1.627 caminhões de concreto, 4.100 metros quadrados de concreto projetado, escavados 52.3 mil metros cúbicos e utilizados 6.539 caminhões de terra. Trabalho de grande magnitude que é destacado pelo governador Ibaneis Rocha.

“Fico muito feliz porque a obra está andando num ritmo muito acelerado. São mais de 20% da obra executada. A próxima etapa, agora, é emendar as duas partes do túnel. A gente tem expectativa que no início do ano que vem, em abril ou maio, vamos entregar essa obra para toda a população da região oeste”, prevê o governador Ibaneis Rocha, ao lembrar que o túnel de Taguatinga é uma das maiores obras de engenharia da atualidade no Brasil.

Presente na visita do governador, o secretário de Obras, Luciano Carvalho, explicou as próximas etapas. “Temos uma passarela de ligação com o metrô que vai ser demolida. O próximo passo é unir as duas etapas do túnel e interromper o trânsito da Avenida Comercial em definitivo. A escavação vai avançar, temos 45% das paredes do túnel executadas e esperamos em abril começar a trabalhar na laje. A obra está dentro do previsto, estamos otimistas com ela”, comenta Luciano Carvalho.

A passagem subterrânea terá 1.010 metros de extensão e vai contar com duas vias paralelas, cada uma com três pistas de rolagem em cada sentido | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

O túnel 

Com investimento de R$ 275,7 milhões e previsão de entrega para 2022, o túnel resultará em economia de tempo, alternativas de percursos e mais opções para quem utiliza o comércio da região. Os recursos são provenientes de financiamento firmado pelo GDF com a Caixa Econômica Federal.

A passagem subterrânea fará uma ligação para motoristas que trafegam no sentido Ceilândia, pela Avenida Elmo Serejo, além de oferecer uma via alternativa pela superfície para o centro de Taguatinga. Isso evitará a retenção de veículos nos semáforos do centro da cidade. Com a conclusão da obra, os carros que estiverem na Avenida Elmo Serejo, sentido Plano Piloto, vão entrar pelo túnel e sair na Estrada Parque Taguatinga (EPTG).

Do outro lado, aqueles que chegarem a Taguatinga pela EPTG também passarão pelo túnel até o início da Via Estádio, saindo logo após o viaduto da Avenida Samdu. Vias marginais darão acesso às avenidas Comercial Sul e Norte e Samdu Sul e Norte. A passagem subterrânea terá 1.010 metros de extensão e vai contar com duas vias paralelas, cada uma com três pistas de rolagem em cada sentido.

As melhorias não se restringem às questões de trânsito e mobilidade. A movimentada Avenida Central de Taguatinga se transformará em um boulevard arborizado, com uma paisagem inteiramente nova para a população. Ela terá foco nas pessoas e no comércio da região. Além do paisagismo, as calçadas serão revitalizadas e os estacionamentos ampliados.

“A palavra que tenho usado aqui é paciência. Vamos fazer uma visita programada com os empresários da cidade, porque o que temos aqui é um problema temporário, mas com uma solução permanente para a cidade. É olhar para o futuro. Estamos tentando mostrar que o futuro será de dias melhores para ele, com mais renda, pessoas para comprar aqui, mais turismo”, destaca o administrador regional de Taguatinga, Renato Andrade.

IAN FERRAZ, DA AGÊNCIA BRASÍLIA | EDIÇÃO: RENATA LU

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
14 × 22 =