A ação não apenas removeu lixo, mas lavou a residência, a rua e podou árvores no local

| Foto: Divulgação/AR Samambaia

Operações com essa finalidade ocorreram durante todo o ano passado e vão continuar este ano. Somente em um dia, 100 toneladas de papelões, restos de construção, ferro, pneus e outros materiais foram retirados de apenas uma residência na quadra 403, com o objetivo de garantir os padrões de saúde da moradora e dos seus vizinhos.

A operação foi realizada em conjunto com o Núcleo de Vigilância Ambiental de Samambaia (Dival–RA XII), que já havia recebido reclamações sobre esta residência, mas ainda não havia conseguido autorização da proprietária para entrar no local.  Hoje, uma força-tarefa foi organizada para garantir a limpeza do terreno e a retirada de todos os detritos. Foram necessários nove caminhões trucados, um caminhão-pipa e 12 servidores, para a retirada de todos os resíduos.

“Temos buscado um diálogo amigável e vamos demonstrando carinhosamente o perigo que o acúmulo de detritos representa para a comunidade. Depois que conseguimos a confiança e a permissão do morador, adentramos nas residências e procuramos deixar o ambiente o mais limpo possível”, conta o administrador da região, Gustavo Aires.  “ O nosso papel na cidade é garantir o bem-estar de todos”, ressalta.

*Com informações da AR Samambaia

Fonte: Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
12 + 3 =