Ela mobilizou amigos e parentes para entregar 360 kits ao Hospital de Santa Maria e a outras duas unidades de saúde

Equipes com itens dos kits doados: campanha foi feita por redes sociais | Foto: Divulgação/Iges-DF

“Foi gratificante fazer um pouquinho em meio a essa situação de pandemia que a gente está vivendo”Bruna Marques, jornalista

Mais um ano atípico de pandemia fez a jornalista Bruna Marques comemorar seu aniversário de uma forma original. Ela decidiu passar a virada para os 40 anos entregando 360 kits de higiene pessoal a pacientes com covid-19 internados em hospitais públicos, entre esses o Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), administrado pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF).

A atitude foi uma homenagem ao pai dela, Antônio Marques, 68 anos, internado em estado crítico no HRSM devido a complicações da doença. “Essa doação foi em respeito a ele e a muitos pais ou mães que estão internados e precisando de ajuda”, declarou Bruna.

A compra dos itens foi possível por uma campanha lançada nas redes sociais da jornalista, que contemplou conhecidos, amigos e familiares. Em 44 horas de mobilização, ela recebeu dinheiro suficiente para comprar sabonete líquido, enxaguante bucal e creme hidratante, itens presentes em cada kit. O valor também permitiu a aquisição de 40 cestas básicas, destinadas às famílias carentes. “Foi gratificante fazer um pouquinho em meio a essa situação de pandemia que a gente está vivendo”, disse.

Entrega do material

“Com essas doações, vamos ajudar aqueles que não têm condições financeiras para comprar o básico de produtos de higiene”Rayanne Lopes, supervisora de Enfermagem da UTI Covid-19 do HRSM

Os kits foram entregues na última quarta-feira (31/3) — 120 para o HRSM e a mesma quantidade para o Hospital Regional de Ceilândia e o Hospital Regional de Taguatinga. “Queria fazer algo pelos pacientes com covid-19, que, assim como o meu pai, precisam de cuidados”, reforçou Bruna. Segundo ela, a recompensa veio no mesmo dia da doação, justamente onde o pai está internado.

“Depois que levei os kits para o HRSM, esperei no carro por um tempo até poder voltar e receber notícias do meu pai pela médica”, conta. “Enquanto aguardava, caiu uma chuva forte com vento. Quando olhei para o lado, tinha um arco-íris me presenteando e enchendo meu coração de esperança.”

A natureza não parou de surpreendê-la. “Quando subi para conversar com a médica, parei na capela e vi um lindo pôr do Sol”, lembra. “Senti a presença de Deus”.

A supervisora de Enfermagem da UTI Covid-19, Rayanne Lopes, ressalta que os itens chegaram em boa hora e vão fazer a diferença para muitos pacientes. “Com essas doações, vamos ajudar aqueles que não têm condições financeiras para comprar o básico de produtos de higiene”, afirma.

*Com informações do Iges-DF

Fonte: Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
22 − 14 =