O projeto contempla uma coleção de 1.936 opções de latas transformadas em arte digital

Na última segunda-feira (29), a Budweiser lançou seus primeiros tokens não fungíveis (NFTs) e entrou na onda das artes digitais. O projeto “Budverse Cans Heritage Edition” contempla uma coleção de 1.936 opções de NFTs e o número escolhido é uma homenagem ao ano em que a cerveja foi vendida em latas pela primeira vez.

Segundo o site Design Taxi, cada NFT é descrito pela marca como único e foi “gerado usando fotos arquivadas, anúncios e designs de toda a história da Budweiser”. Além disso, eles também funcionam como uma espécie de bilhete de entrada para o Budverso – apresentado como “a melhor comunidade de cerveja no metaverso”.

Dos 1.936 tokens, 36 deles são da linha Gold, que é um marcador de sua raridade. Eles vêm com benefícios e recompensas exclusivos para os proprietários e custam 999 dólares cada. Os outros são da linha Core e custam 499 dólares, também com suas próprias vantagens. Para adquirir um desses NFTs, é necessário ter mais de 21 anos, no entanto, todos estão esgotados.

Essa não é a primeira experiência da cervejaria no novo cenário digital. Em agosto de 2021, a empresa comprou um foguete na versão NFT, com seu logotipo na lateral, por 25 mil dólares.

Fonte: B9

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

nove − cinco =

Solve : *
25 ⁄ 5 =