Por conta dos direitos autorais o youtuber teve um bloqueio enorme de vídeos no seu canal do Youtube.

Os direitos autorais é algo bem sério e a Nintendo não está para brincadeira. O youtuber Gilva Sunner, que possuía um canal com mais de meio milhão de inscritos, teve seu perfil derrubado no Youtube. Antes disso acontecer, a Nintendo realizou o bloqueio de 1.300 vídeos com trilhas sonoras de jogos através de reivindicação de direitos autorais.

O canal de GilvaSunner era popular por publicar as trilhas sonoras dos games, onde os fãs podiam ouvir suas músicas preferidas. Porém, ele vem, desde agosto de 2019, lutando para manter seu “canal de pé”, dessa vez, foi mais complicado, veja esse post de seu Twitter:

 

O Youtuber disse, em post recente em seu Twitter, que seus vídeos não são monetizados, ou seja, ele não ganha nenhum real por eles. Mas, ainda assim, a Nintendo seguiu adiante com o procedimento de bloqueio.

O que ninguém entende é que esta decisão da Nintendo veio logo após encerrar o programa Nintendo Creators, em que os criadores de conteúdo tinham que enviar os materiais para a Nintendo para aprovação, isso foi suspenso. Além disso, os seguidores de GilvaSunner têm sido bem irônicos sobre como os fãs querem ouvir as trilhas sonoras de jogos clássicos mas não podem mais, apenas no player de música de ‘Super Smash Bros’.

Fonte:multiversonoticias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

um × 5 =

Solve : *
25 ⁄ 5 =