Plataforma deve bloquear perfis usados para divulgar informações falsas e discurso de ódio para não ser penalizada

Telegram pode sair do ar no Brasil por 48 horas caso não cumpra uma ordem judicial. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou que o aplicativo seja suspenso caso não cumpra uma ordem judicial.

O ministro determinou em janeiro que a plataforma bloqueasse três perfis usados para divulgar informações falsas e discurso de ódio. Após várias tentativas de notificação, a ordem seguiu sendo descumprida.

Na última sexta-feira (25), Moraes deu 24 horas para que o Telegram cumprisse a ordem. Caso continue desobedecendo, a plataforma ficará fora do ar por 48 horas e deverá pagar uma multa diária de R$ 100 mil por perfil.

As informações são da Folha de S. Paulo.

Até a publicação dessa matéria, o Telegram não se manifestou sobre a decisão e não se sabe se o bloqueio dos perfis foi realizado. A plataforma segue no ar.

De: Redação / Fonte:Jovemnerd

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 × 1 =

Solve : *
21 ⁄ 3 =